Bitcoin bate recorde e já subiu 70% este ano: halving, ETF, entenda os motivos para a valorização

Criptomoeda atingiu patamar inédito de US$ 72 mil na manhã desta segunda-feira

Logo do Jornal O Globo
O Globo - globo.com|Acessar
11/03/2024, 08:00
Uma imagem de uma moeda dourada de Bitcoin

A cotação do bitcoin bateu novo recorde na manhã desta segunda-feira: inéditos US$ 72 mil. É a sexta alta seguida da moeda, que está num rali impulsionado principalmente por dois motivos: os ETFs e o halving.

Só este ano, as cotações dispararam quase 70%. Mas, afinal, o que é o halving? E por que os novos fundos ETFs aprovados nos EUA estão ajudando a levar a cotação da moeda virtual às alturas?

Acesse matéria na integra clicando aqui.